As Vantagens de Ser Invisível | Resenha

Por - 29.10.17

Lumusiando


Querido amigo,
É assim que cada capítulo de As Vantagens de Ser Invisível (The Perks of Being a Wallflower) se inicia. O livro escrito por Stephen Chbosky, foi lançado em 1999 nos Estados Unidos e só ganhou uma versão brasileira em 2007 publicado pela Rocco.  
O livro relata as cartas que o protagonista, Charlie, envia a um amigo desconhecido. Quando se lê o livro a primeira coisa que o leitor pode estranhar é o fato de Charlie mandar cartas contando sua vida a um desconhecido, mas se analisarmos bem é basicamente o que acontece quando se faz uma amizade virtual com alguém que nunca se viu, a única diferença é que Charlie utiliza o papel no lugar das redes sociais.
Ao decorrer dos capítulos, ou cartas, podemos perceber que Charlie é um adolescente que, assim como todos nessa fase, está tentando se descobrir e descobrir ao mundo. Nas cartas podemos acompanhar como ele lida com acontecimentos e novas descobertas, como sua primeira paixão, o primeiro namoro e até mesmo a primeira festa. Charlie, que toma remédios antidepressivos (por motivos que causaram certa polêmica e até mesmo fez com que o livro fosse “proibido” em algumas escolas norte-americanas) e não tem muitos amigos, vê sua vida mudada quando conhece Sam e Patrick, pessoas que lhe apresentam um mundo que ele nunca havia visto antes.


Não há nada como a respiração profunda depois de dar uma gargalhada. Nada no mundo se compara à barriga dolorida pelas razões certas.

O livro também mostra de uma forma bem humorada, mas realista, como os adolescentes são apresentados a drogas, sexo e outras “perdições” nessa fase de descobertas, além de mostrar como fazer amigos e se descobrir é algo importante para a fase. E ainda traz de brinde uma trilha sonora sensacional que conta com Nirvana, The Smiths, The Beatles, U2 e muitos outros sucessos da época que ajudam Charlie em algumas situações importantes. E é claro que o fato do Charlie ser um leitor nato, faz com que o livro dê indicações ótimas de livros como On The Road de Jack Kerouac.


Então, eu acho que somos quem somos por várias razões. E talvez nunca conheçamos a maior parte delas. Mas mesmo que não tenhamos o poder de escolher quem vamos ser, ainda podemos escolher aonde iremos a partir daqui. Ainda podemos fazer coisas. E podemos tentar ficar bem com elas.

Uma coisa muito legal de falar é que o Chbosky chegou a receber cartas de fãs que desistiram de se suicidar e/ou superaram a depressão após ler o livro, pois se identificaram com os problemas e situações passadas por Charlie no livro e isso de certa forma os ajudou nas suas lutas pessoais. Afinal o público alvo do livro é o público juvenil e nessa fase como diria o próprio Chbosky “um dia, você está no topo do mundo e [...] três semanas depois, você está terrivelmente deprimido”.

O livro ganhou uma adaptação para o cinema em 2012, e é estrelada por Logan Lerman (Charlie), Emma Watson (Sam) e Ezra Miller (Patrick). A direção e o roteiro do filme foram feitos pelo próprio Chbosky que se dedicou aos mínimos detalhes da criação, desde os locais das cenas a um roteiro que por mais leve e divertido que seja passa bem claro sua crítica. Com uma trilha sonora maravilhosa, um cenário que não deixa a desejar e um elenco brilhante, o filme recebeu boas críticas em todo o mundo, arrecadou mais de $33.3 milhões ao redor do mundo e teve a classificação de 86% no Rotten Tomatoes


Assista ao trailer do filme aqui ↓


As Vantagens de Ser Invisível é um emocionante drama que se passa entre 1991/1992, mas que relata dramas e ocasiões que a maioria já passou e/ou irá passar, além de ser uma ótima leitura. Vale a pena ler/ assistir e mergulhar no caótico mundo de Charlie, descobrir As Vantagens de Ser Invisível, nunca mais dirigir por um túnel como “mais um” e, como o próprio personagem diz, se sentir infinito

Você também pode se interessar por:

2 comentários

  1. Para ser sincera, não entendi nada desse livro, pois o li muito nova. Acho que vou precisar de uma releitura para dar uma segunda chance a ele (e também porque o Ezra e a Emma estão no filme kkkkk)

    https://thatisrealme.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkkkkk' eu sou apaixonada nesse livro, lê de novo sim, acho que o filme vai te ajudar a entender ele melhor.
      Beijão!

      Excluir